Saúde
Clínica médica do Hospital Fernando Franco é desinterditada pelo CRM
Com atendimento restrito há mais de um mês, UPA está interditada pelo Coren
Cotidiano| Por F5 News 09/02/2019 09:29 - Atualizado em 09/02/2019 19:17

A Secretaria da Saúde de Aracaju informou que o setor de Clínica Médica do Hospital Municipal Fernando Franco, na zona sul, foi desinterditado pelo Conselho Regional de Medicina em Sergipe (CRM-SE). De acordo com a pasta, a medida passou a ter validade às 21 horas da sexta-feira (8), contudo, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) está interditada eticamente pelo Conselho Regional de Enfermagem de Sergipe (Coren/SE).

No documento de desinterdição parcial, assinado pelo presidente do CRM, Jilvan Pinto Monteiro, a entidade diz que a medida decorre de uma avaliação na qual foi possível constatar que a “escala de médicos foi regularizada de forma a viabilizar o restabelecimento do trabalho médico na unidade”, que realiza por mês cerca de dez mil atendimentos.

A unidade hospitalar está com atendimento comprometido desde o começo de janeiro, quando o impasse sobre a forma de contratação e pagamento dos médicos que atuavam nas UPAs da capital fez esses profissionais deixarem as escalas. Esta semana, o Ministério Público de Sergipe (MP) ingressou com Ação Civil para obrigar a Secretaria a retomar a assistência no Fernando Franco de forma integral. O Poder Judiciário concedeu prazo para manifestação do Município.

Mais Notícias de Cotidiano
24/08/2019 07:14 Psicóloga alerta para sinais de violência sexual infantil
24/08/2019 07:01 Samu vai a shopping ensinar população a fazer reanimação cardiopulmonar
Evento que ocorre neste sábado vai ensinar técnicas de forma gratuita
23/08/2019 19:53 Edvaldo entrega obra de infraestrutura do loteamento Pantanal
23/08/2019 18:05 JF questiona obras construídas indevidamente na Praia do Saco
23/08/2019 17:45 Tribunal e Governo assinam Termo que beneficia militares reformados
Belivaldo vai encaminhar novo Projeto de Lei de subsídios na próxima semana à Alese