Inspiração
Trajetória de vida de Almir do Picolé é contada em filme biográfico
Filme sobre o sergipano estreia em 9 de março no Teatro Purificação, em Aracaju
Entretenimento| Por Victória Valverde* 28/02/2019 07:00 - Atualizado em 28/02/2019 19:07

Almir Almeida Paixão. Poucas pessoas reconhecem este nome, mas quando falamos de “Almir do Picolé” logo aparece a imagem no coletivo da população sergipana do homem sorridente, de fala simples e mansa, que pede doações para sua creche nos sinais de trânsito da capital.

Hoje, todo mundo já ouviu falar da creche de Almir do Picolé, fundada em 2003 e frequentada atualmente por 96 crianças. Porém, para quem quiser conhecer mais sobre a trajetória inspiradora de sua figura marcante, bastar ir assistir a “Almir do Picolé: O filme”, do diretor e produtor David Kleiton.

Com estreia marcada no Teatro Purificação para o dia 9 de março – serão três sessões às 14, 16 e 19 horas –, o longa tem duração de 1h20 e irá retratar três fases da trajetória de Almir: infância, adolescência e vida adulta.

Além do dia 9, também haverá sessões nos dias 10, 16 e 17 de março, nos mesmos horários. A entrada individual pode ser adquirida através do número (79) 99822-6079 ou no local por R$15 + um quilo de alimento. Todas as arrecadações irão para a creche e para a instituição “Oratório de Bebé”.

Trabalho em grupo

As filmagens duraram 30 dias, começando às 4 da manhã e indo terminar à meia noite, isso sem contar nas vezes em que a gravação continuava durante a madrugada. Ao total, foram convocadas 40 pessoas para participar do projeto. Alguns atores já tinham experiência, mas também foram dadas oportunidades para amadores,  que acabaram surpreendendo -  em especial o ator mirim Fabio Henrique, que interpretou  Almir durante sua infância.

O diretor, David Kleiton, convivia com Almir desde os 14 anos. Um dia, ao ouvir seu relato do início ao fim, decidiu reunir uma equipe e produzir o filme para que todos conhecessem a sua história. A química entre a equipe foi certeira.

“Apesar de toda a tensão pela responsabilidade de levar o nome de Almir em um filme, toda a equipe foi maravilhosa, viramos uma família. Entre risos, abraços, puxões de orelha e dificuldades, completamos o projeto. Todos abraçaram a causa”, diz o diretor.

A atriz Geny Carvalho, que interpretou Hildete Falcão, dona do orfanato onde Almir passou parte de sua vida, diz sentir-se honrada pelo convite para participar do projeto e acredita que a história de Almir carrega uma grande lição para todos os expectadores.

“Sua história é uma grande experiência de vida, principalmente para os jovens. O Almir tinha tudo para ser um drogado, um marginal, mas ele não o fez ,usou todo o seu sofrimento para ajudar o próximo”, relata a atriz.

O personagem principal de toda a trama, Almir, diz sentir-se honrado com a oportunidade de divulgar sua história de vida. Segundo ele, toda a equipe fez um grande trabalho, sempre com humildade e trabalho duro.

 “É muito bom contar a história da minha vida, que foi muito árdua e sofrida. Espero que ela inspire muitas pessoas. Me sinto muito feliz com toda a divulgação”, afirma Almir.

 

*estagiária sob a orientação da jornalista Monica Pinto

 

Mais Notícias de Entretenimento
21/03/2019 14:23 “Parque Patati Patatá Circo Show” chega a Aracaju pela 1ª vez
Espetáculo traz "dupla de palhaços mais amada na América Latina"
20/03/2019 18:50 “Quinta Instrumental” abre temporada 2019 com saxofonista internacional
Samy Thiebault é naturalizado francês e já conquistou diversos prêmios
20/03/2019 11:32 Chegança de Maruim realiza primeira apresentação
20/03/2019 09:20 Confira a programação oficial do Forrozão da Sergipe 2019
Oito atrações animam a festa no dia 04 de maio em Aracaju
20/03/2019 07:53 Aláfia é atração confirmada do Lollapalooza e anuncia novo disco
Banda dividirá o palco com Kendrick Lamar, Luiza Lian e Gabriel, O Pensador