Oito lugares imperdíveis para visitar em São Paulo | Passos Pelo Mundo | F5 News - Sergipe Atualizado

Oito lugares imperdíveis para visitar em São Paulo
Conhecida por ser plural, é um dos polos culturais mais importantes do país, além de ser a cidade mais populosa da América Latina
Blogs e Colunas | Passos Pelo Mundo 02/05/2021 08h00

São Paulo é uma cidade tão vibrante e com tantas atrações que foi difícil fazer essa seleção. Conhecida por ser plural, é um dos polos culturais mais importantes do país, além de ser a cidade mais populosa da América Latina. Já estive muitas vezes em São Paulo, geralmente a trabalho, mas sempre fazia questão de estender a viagem para curtir o final de semana na “terra da garoa”. Fiz uma seleção para a pessoas que não conhecem a cidade ou que não conhecem tão bem. De qualquer forma, eu sempre volto a alguns desses lugares quando retorno a São Paulo.

De segunda a segunda há peças de teatro e exposições em cartaz, bares e restaurantes abertos a qualquer hora, além de eventos e atrações para todos os gostos, mas nesse texto vou me dedicar aos passeios que mais me encantaram na cidade.
Para começar, qual a melhor época para conhecer São Paulo? O outono e o inverno são mais secos, com dias agradáveis e noites frias; a primavera é chuvosa e o verão registra trombas d’água no final de tarde. Fins de semana e feriadões são perfeitos para visitar a cidade: as diárias dos hotéis baixam e a fluidez do trânsito barateia as corridas de táxi e Uber. 

Outra importante informação é: onde ficar em São Paulo? São diversas as opções, o ideal é estar o mais perto possível das atrações que você vai visitar. A Avenida Paulista, a Vila Olimpia e a Vila Madalena são boas opções. O Centro da Cidade tem muitas atrações, mas não foi um dos meus lugares preferidos para hospedagem. Mas se quiser ficar por lá, escolha um hotel perto de estação de metrô e de bares e restaurantes, que é onde tem mais movimento.


Então vamos a lista de atrações:

1-    Passeio pelo centro Histórico de São Paulo


O centro antigo de São Paulo guarda e preserva a história por mais de 450 anos desde a sua fundação e é a prova de que a maior cidade do país vai muito além da gastronomia e das compras. Caminhe pelo centro, visite museus e desvende a arquitetura desta gigante metrópole. É claro, aproveite o dia também para fazer umas comprinhas na principal região comercial da cidade. A rua José Paulino é ideal para compra de roupas e a 25 de março tem de tudo que você possa imaginar. Entre as atrações do centro estão a Catedral da Sé, a Estação da Luz, Teatro Municipal, a Pinacoteca do Estado e o famoso Mercadão de São Paulo, que vai merecer um tópico só para ele.

2-    Mercadão


O Mercado Municipal atrai milhares de visitantes pela boa comida, ambiente agradável e arquitetura incrível. O colorido das barracas de frutas se misturam aos desenhos maravilhosos dos vitrais que enfeitam o Mercado. O espaço é parada obrigatória para quem quer provar os famosos lanche de mortadela, sanduíche de pernil ou o pastel de bacalhau, tudo bem recheado e exagerado. No Mercadão o cliente também encontra especiarias, produtos imputados, açougue, peixaria, queijos, etc.

3-    Almoço em uma cantina Italiana


São Paulo também oferece muita experiência culinária, mas de todas as correntes migratórias que chegaram por lá, a mais forte é a italiana. Por isso não saia da cidade sem conhecer uma tradicional cantina italiana. Recomendo muitíssimo a Famiglia Mancine, mas se prepare: tão celebres quanto suas massas bem servidas, são as filas na porta. A comida é boa, o cardápio variado com todo tipo de massa e molho que você pode imaginar.
 

4-    Eatly


A ideia do Eataly surgiu em 2004 e, após três anos de intensa pesquisa, foi inaugurado na região de Turim, Itália. A proposta é reunir todos os alimentos italianos de qualidade em um único lugar, tornando possível comer, comprar e aprender no mesmo espaço. Isso porque oferece diversos cursos e workshops em sua programação.
Quase uma década após o lançamento, a rede já tem 38 franquias ao redor do mundo, sendo 15 na Itália, e as demais no Japão, EUA, Dubai, Istambul, entre outros. O primeiro Eatly da América Latina foi inaugurado em 2015 em São Paulo, local que reúne o maior número de italianos fora da Itália. São 4.500 m², mais de 8 mil produtos, 6 restaurantes, cafeterias, confeitaria, sorveteria, bar de vinhos e no centro um grande mercado de produtos que você pode comprar e levar pra casa.

5-    Terraço Itália


O Edifício Itália possui 165 metros de altura, 41 andares e é o segundo edifício mais alto de São Paulo. Foi projetado e arquitetado pelo alemão Franz Heep e inaugurado no ano de 1965. Do alto de sua cobertura é possível ter uma visão panorâmica em 360 graus da cidade. 
O Terraço Itália é um restaurante especializado na culinária italiana, que está em funcionamento desde o ano de 1967. É preciso fazer reserva antes. Mas tem também a opção de ficar no bar do Terraço. Caso queira somente visitar é possível e custa R$ 30,00 por pessoa.
A dica é chegar no final da tarde para acompanhar o pôr do sol e apreciar a vista de dia e à noite.

6-    Av. Paulista
A Avenida Paulista é o melhor resumo da cidade de São Paulo. Ela é viva, pulsante e está sempre em transformação. Andar pela avenida é uma experiência intensa e rende muitos dias de passeio. Se você está na cidade e não sabe muito bem o que fazer, certamente a Paulista é o melhor ponto de partida. O local é o centro financeiro de São Paulo, mas lá você também encontrará uma grande variedade de espaços culturais, restaurantes e museus, (entre eles o Masp que vou falar mais em outro tópico). Também é uma ótima experiência caminhar na Paulista à noite.

7-    Masp


O Masp pode até não ser o museu com a programação cultural mais vibrante da cidade, mas é a instituição cujo acervo permanente mais enche de orgulho os corações paulistanos. O arrojado prédio modernista projetado pela arquiteta italiana Lina Bo Bardi – apenas quatro pilares laterais sustentam a construção, formando um vão livre de 74 m de comprimento – abriga uma significativa coleção de arte brasileira com obras de nomes consagrados como Cândido Portinari, Anita Malfatti, Di Cavalcanti e Vitor Brecheret. Porém foi o admirável acervo de peças estrangeiras que fez do Masp, a partir de 1947, o ano de sua inauguração, o museu-símbolo de uma São Paulo cosmopolita como qualquer outra grande cidade da Europa e Estados Unidos.

A última vez que estive no Masp foi para ver a exposição da Tarsila do Amaral. Ela foi a artista que mais levou público para o Masp: 402 mil pessoas. Eram 92 obras e a exposição finalizava com o Abapuru. Avistar a obra no final da exposição foi um momento emocionante. 

8-    Parque Ibirapuera


Quintal dos moradores de São Paulo, o Parque Ibirapuera é uma das principais áreas de lazer da cidade. Construído para comemorar o IV Centenário de São Paulo, tem mais de 1,6 km² de área. Tem gente que vai pra lá todo dia fazer uma caminhada, pedalada ou corrida, ou ainda aproveitar as quadras de esportes. Nos finais de semana é mais movimentado.


 

Mais Notícias de Passos Pelo Mundo
Paris, a Cidade Luz
18/04/2021  10h00 Paris, a Cidade Luz
O por do sol na Pedra Furada é um dos principais atrativos do Jalapão
11/04/2021  12h14 O que fazer no Jalapão em cinco dias
Fernando de Noronha em quatro dias: um guia completo em vídeo
04/04/2021  11h00 Fernando de Noronha em quatro dias: um guia completo em vídeo
Ilha Mem de Sá recebe dois empreendimentos com grande infraestrutura
28/03/2021  09h12 Ilha Mem de Sá recebe dois empreendimentos com grande infraestrutura
Ilha Mem de Sá: belezas naturais, sossego e hospitalidade
21/03/2021  10h40 Ilha Mem de Sá: belezas naturais, sossego e hospitalidade

Blogs e Colunas
Passos Pelo Mundo
Passos Pelo Mundo

Carla Passos é Jornalista, especializada em Turismo e apaixonada por história, flores, textos e coisas inspiradoras. Adora sol, mar, fotografia, doce da padaria, dançar, e sonhar… Na infância, ainda morando em Salvador, meu principal hobbie era ir ao aeroporto ver os aviões partirem. Eu sempre dizia que um dia eu estaria dentro daqueles aviões. Antes de completar 15 anos, eu dizia aos meus pais: não quero festa, quero viajar de avião para o Rio de Janeiro. Foi minha primeira viagem de avião! Trabalhei anos com essa editoria, mas atualmente estou na editoria de política, minha segunda paixão. Assim o turismo virou um hobbie. E de lá pra cá já conheci quase todos os estados do Brasil e 25 países.

Instagram: @passospelomundo_

E-mail: carla.jornalista@hotmail.com

O conteúdo e opiniões expressas neste espaço são de responsabilidade exclusiva do seu autor e não representam a opinião deste site.