Morador de rua espancado por personal fala pela 1ª vez | F5 News - Sergipe Atualizado

Entrevista
Morador de rua espancado por personal fala pela 1ª vez
Givaldo Alves contou que relação sexual foi consensual e negou saber que ela era casada
Brasil e Mundo | Por Metrópoles 24/03/2022 17h06

Até o momento, as cenas envolvendo um casal e um morador de rua, em Planaltina, no incidente que ganhou repercussão nacional, contavam apenas com a versão do personal trainer Eduardo Alves – que espancou o sem-teto flagrado mantendo relações sexuais com sua esposa.

O educador físico alegou que a companheira teria sido vítima de um estupro, já que estava em surto psicótico.

Quatorze dias após o episódio que surpreendeu o Brasil e inundou as redes sociais com as opiniões mais diversas, o Metrópoles encontrou o sem-teto que, em entrevista exclusiva, narrou o que teria acontecido na noite do último dia 9 de março.

As imagens em que ele aparece apanhando foram gravadas por câmeras de segurança de uma casa.

Baiano de 48 anos, Givaldo Alves, assim como em depoimento à polícia, reafirmou que a relação com a mulher foi consensual e que, inclusive, foi convidado por ela a entrar no veículo, mesmo após dizer que não “tinha tomado banho”.

“Eu andava pela rua e ouvi um grito: ‘Moço, moço’. Olhei para trás e só tinha eu. E ela confirmou comigo dizendo: ‘Quer namorar comigo?’.”

Confira o a entrevista exclusiva feita pelo Metrópoles abaixo. 

 

Confira a matéria completa no Metrópoles, parceiro do F5 News 

Mais Notícias de Brasil e Mundo
Reprodução/TV Globo
16/08/2022  09h56 Ladrões devolveram Pix a mulher ao descobrir que era esposa de Marcola
Pixabay/Ilustrativa
15/08/2022  22h30 Cientistas devolvem visão a pacientes usando córneas de pele de porco
Divulgação/Acnur
14/08/2022  19h00 Dia dos Pais: separações e reencontros marcam refugiados no Brasil
Daily Mail/ reprodução
14/08/2022  15h43 Um mês após fuga, ladrão é achado dentro de urso de pelúcia gigante
Reprodução/ Instagram
14/08/2022  11h40 Policial que matou Leandro Lo foi a boate e motel após o crime