Compradores de imóveis da Nassal recebem comunicado de abandono de obra | F5 News - Sergipe Atualizado

Sergipe
Compradores de imóveis da Nassal recebem comunicado de abandono de obra
Construtora emitiu nota informando que passa por crise causada pela pandemia
Cotidiano | Por Laís de Melo 20/01/2022 14h00 - Atualizado em 20/01/2022 15h07


A Nassal Construtora está encaminhando comunicados de abandono de obras aos compradores de alguns empreendimentos. F5News teve conhecimento de que em pelo menos dois imóveis o canteiro de obras está sendo retirado, um deles é o Garden Park Residencial, no bairro Inácio Barbosa, em Aracaju, e o outro é o Varandas J Rodrigues, na Barra dos Coqueiros. 

A reportagem do F5News mostrou, no início desta semana, as dificuldades que os compradores do Varandas J Rodrigues estão enfrentando com o atraso da obra. Após comunicados quanto a novas datas de prazos de entrega, foi enviado nesta quarta-feira (19) a informação do abandono da obra. 

O que está acontecendo, segundo o advogado do Grupo Nassal, Wellington Saback, é que a construtora está enfrentando dificuldades devido à crise causada pela pandemia da covid-19 e por isso não está conseguindo dar continuidade às construções. 

“O Grupo Nassal, apesar de todos os seus esforços, foi vitimado pela grave situação econômica que vive o Brasil. Mais especificamente, pelo aumento significativo dos insumos para a construção civil, que acumulam, nos últimos 24 meses, uma alta de 41,55%. Exemplificando, um empreendimento orçado em R$ 10 milhões teria um custo efetivo para a conclusão de mais de R$ 14 milhões, isso considerando apenas os últimos 24 meses”, afirmou Saback em nota enviada ao F5News.

Ainda conforme a construtora, está sendo tentado, junto à Caixa Econômica Federal, um acordo para o reequilíbrio econômico-financeiro dos contratos em andamento, e reitera que as obras em andamento possuem seguro junto ao agente bancário financiador, o que ampara plenamente os clientes, em caso de o grupo Nassal não ter sucesso em seus pleitos à Caixa Econômica Federal que, por sua vez, neste caso, juntamente com a seguradora, assumirá as obras.

“Estamos trabalhando arduamente para que não se consolide tal cenário e as obras voltem a ter seu andamento, com a entrega dos imóveis aos valorosos clientes”, diz a nota. 

Enquanto isso, os clientes seguem insatisfeitos. Um deles chegou a publicar nas redes sociais que a construtora está fazendo um sonho se transformar em pesadelo, já que está há cinco anos pagando pelo apartamento, que ainda não foi entregue. 

“Entendemos todos os dissabores que um atraso de obra envolve, contudo, todos os esforços têm sido direcionados para resolver tal cenário de forma que atenda o interesse dos nossos clientes. Pedimos a cooperação de todos os envolvidos para que, conjuntamente, possamos superar essa etapa difícil da nossa história e continuar a escrevê-la com excelência na execução de projetos imobiliários de grande relevância para o estado de Sergipe”, conclui a empresa na nota. 

Edição de texto: Monica Pinto
Mais Notícias de Cotidiano
Falcon FC / divulgação
18/05/2022  14h53 Falcon FC visita clubes portugueses e visa projeto de expansão
Divulgação
18/05/2022  14h50 Pais processam Apple após alerta de AirPods romper tímpanos de jovem
Divulgação
18/05/2022  12h04 Trânsito sobre a ponte do Rio Poxim, em Aracaju, fica em meia pista
Entenda por que é importante ter cuidado com os seus dados pessoais
18/05/2022  10h42 Entenda por que é importante ter cuidado com os seus dados pessoais
Saiba como denunciar crimes sexuais contra crianças e adolescentes em SE
18/05/2022  10h36 Saiba como denunciar crimes sexuais contra crianças e adolescentes em SE