Mulher é baleada durante perseguição policial em Aracaju | F5 News - Sergipe Atualizado

Mulher é baleada durante perseguição policial em Aracaju
A vítima estava dentro de um outro carro e foi atingida por um tiro na nuca 
Cotidiano | Por Aline Aragão 25/11/2021 17h12

Uma mulher de 32 anos foi atingida com um tiro na nuca durante uma perseguição policial em Aracaju. Ela estava no banco de trás de um carro, com um motorista de aplicativo, quando foi baleada. A Polícia Civil confirmou ao F5 News, nesta quinta-feira (25), que o caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), como homicídio tentado.

De acordo com as informações, a ocorrência foi registrada na noite do último domingo (21).
Uma guarnição da Polícia Militar foi acionada para ajudar na perseguição a um veículo Focus, cor escura, que havia desobedecido ordem de parada nas imediações do conjunto Inácio Barbosa. Na altura da avenida Beira-Mar, os policiais militares relatam que o condutor atirou em direção à viatura, havendo o imediato revide.

O carro do suspeito parou após o pneu estourar na altura do farol do bairro Farolândia. O condutor foi preso em flagrante com sinais de embriaguez e se recusou a fazer o teste do bafômetro. Duas mulheres eram passageiras do veículo e estavam bastante nervosas. Elas contaram que o condutor informou que não ia parar o carro para não ser preso. A arma não foi localizada, a suspeita da polícia é que ele tenha jogado no rio para fugir do flagrante.

No meio da ocorrência, um homem que se identificou como motorista de transporte de aplicativo procurou os policiais e relatou que a passageira havia sido atingida por um tiro.

Durante entrevista à TV Atalaia, nesta quinta-feira (25), o motorista de aplicativo apresentou a história por outro ponto de vista.

Ele disse que pegou uma corrida no Bairro Industrial e seguia com a passageira tranquilamente quando, ao passar pela avenida Beira Mar, nas proximidades do Parque dos Cajueiros, ouviu barulho de sirenes e disparos de arma de fogo.

“Foi tudo muito rápido, ouvi o barulho e quando percebi o carro já estava em cima do meu. Puxei o volante no susto, para desviar e sair da frente, ao mesmo tempo em que senti estilhaços de vidro nas costas. Quando eles passaram, olhei para a passageira para perguntar se estava tudo bem e percebi que ela estava deitada, agonizando. Desesperado, parei no posto de combustíveis que ficava logo à frente e pedi socorro, foi quando ela reagiu e disse que estava viva, então corri para o Hospital Zona Sul. No caminho encontrei os policiais com um homem detido e falei o que tinha acontecido”, relata.

A mulher passou por um procedimento cirúrgico e, apesar do susto, não corre risco de morte. Segundo familiares, ela está bastante abalada e sente muitas dores por causa dos estilhaços que ficaram em sua cabeça. Ela já recebeu alta e se recupera na casa dos familiares no município de Lagarto, Sul do estado.

A ocorrência foi registrada na Delegacia Plantonista. F5 News também teve informação de que o suspeito pagou fiança e foi solto na mesma noite.

O delegado André Baronto é o responsável por investigar a tentativa de homicídio. À Delegacia Especial de Delitos de Trânsito (DEDT) coube a investigação dos crimes praticados na direção do veículo.

 
 

Edição de texto: Monica Pinto
Mais Notícias de Cotidiano
Chuvas em novembro superam média histórica em Aracaju
27/11/2021  12h14 Chuvas em novembro superam média histórica em Aracaju
Energisa desmente fake news sobre manutenção programada em Sergipe
27/11/2021  12h04 Energisa desmente fake news sobre manutenção programada em Sergipe
Vazamento abre cratera e carro é engolido na zona de expansão de Aracaju
27/11/2021  08h53 Vazamento abre cratera e carro é engolido na zona de expansão de Aracaju
Ex-presidiário morre em confronto com policiais do Denarc em Aracaju
27/11/2021  07h00 Ex-presidiário morre em confronto com policiais do Denarc em Aracaju
Agência Sergipe/Reprodução
26/11/2021  22h00 Sergipe registra 5 casos de Covid e um óbito nesta sexta-feira (26)