Sergipe
Rota da Farinha é aposta para alavancar turismo ecológico em Sergipe
Governo inicia discussões para desenvolver estrutura turística no agreste do estado
Economia | Por Will Rodriguez 21/07/2020 06h35

Uma região já bastante explorada no agreste sergipano tornou-se a menina dos olhos do governo do Estado para favorecer o turismo. A chamada "Rota da Farinha", um percurso de cerca de 12 quilômetros que corta os municípios de Campo do Brito, Macambira e São Domingos, será a aposta para desenvolver o potencial do ecoturismo na região, tendo como fio condutor o subproduto da mandioca.

As tratativas já foram iniciadas e, embora o escopo do projeto ainda precise ser desenhado, há o interesse da Secretaria de Estado do Turismo (Setur) em viabilizar o destino o mais breve possível, para acompanhar as tendências de mercado no pós-pandemia.

“Temos um mapa estratégico que definiu a necessidade de se criar novas opções para os turistas, baseado nos estudos de especialistas que informam que o turista pós-pandemia irá priorizar um maior contato com a natureza e o turismo de experiência, onde ele vai poder não apenas contemplar, mas participar ativamente das experiências de cada roteiro”, disse o secretário do Turismo, Sales Neto, ao F5 News

Isso porque, para além das mais de 600 casas de farinha, os turistas poderão se aventurar nas trilhas, vales e cachoeiras que compõem um cenário perfeito para práticas como o mountain bike. A ideia, reforça Sales, é agregar passeios do ecoturismo, através do turismo de base comunitária e de experiência nessas localidades.

“Já marcamos uma visita técnica para dia 13 de agosto, onde já levaremos um esboço do que pretendemos para ser adaptado com a realidade local. Vamos construir junto com as Prefeituras e envolver outros atores, como a iniciativa privada, que vai trabalhar os pontos de apoio da roteirização, guias turísticos credenciados, entre outros”, informou o secretário.

O prefeito de Campo do Brito, Marcell Souza, enxerga a possibilidade de desenvolvimento social além do turismo. Segundo ele, a intenção é viabilizar uma infraestrutura mais adequada para as necessidades da cooperativa dos produtores de farinha instalada no local há anos.

“Nós estamos pleiteando a pavimentação asfáltica da rota que possui a maior concentração de casas de farinha do país. Já há uma cooperativa que é um exemplo nacional de sucesso e, anualmente, dezenas de caminhões fazem o escoamento da produção, mas enfrentando muitas dificuldades no período chuvoso, justamente pela falta de infraestrutura”, declarou à reportagem do F5News

Com a estruturação da rota, também será possível regulamentar questões ligadas às licenças sanitárias desses espaços, quanto à manipulação e o transporte da matéria-prima até a fabricação, uma vez que as casas de farinha deverão se tornar o atrativo principal  e a culinária local estará certamente no roteiro.

“Além das atrações da natureza, o visitante poderá ajudar a fazer a farinha, conhecer o processo de produção num Museu que será construído, e provar os pratos que dela derivam”, acrescentou o gestor de Campo do Brito.

Ao estar na nova rota, a cooperativa também espera conseguir se fortalecer no mercado de farinha beneficiada, aumentando o valor agregado, tornando a produção do derivado da macaxeira em mais que uma atividade de subsistência.

A região serrana no entorno da "Rota da Farinha" é explorada por grupos turísticos independentes há pelo menos uma década. Na visão do agente de turismo Alex Moura, que costuma fazer trilhas na região, a iniciativa do governo vai possibilitar a estrutura turística que ainda falta à localidade. “As belezas naturais são inúmeras na área e os moradores que vivem da agricultura familiar podem ser muito beneficiados”, afirma. 

Confira fotos da região:

[GALERIA][/GALERIA]

Edição de texto: Monica Pinto
Mais Notícias de Economia
Empreendedores receberão recursos para desenvolver projetos inovadores (Foto: divulgação/Sebrae)
10/08/2020  15h15 Sebrae vai disponibilizar recursos para projetos de economia criativa 
Caixa credita saque emergencial do FGTS para nascidos em julho
10/08/2020  07h06 Caixa credita saque emergencial do FGTS para nascidos em julho
Foto: Wilson Dias/Agência Brasil
09/08/2020  09h38 Ninguém ganhou: Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 11 milhões
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
08/08/2020  09h03 Caixa abre 770 agências hoje para beneficiários do auxílio emergencial
Dólar supera R$5,40 e fecha no maior valor desde junho
07/08/2020  19h56 Dólar supera R$5,40 e fecha no maior valor desde junho