Augusto ironiza contas de Déda e assegura crescimento de João | F5 News - Sergipe Atualizado

Augusto ironiza contas de Déda e assegura crescimento de João
"Ele é bom em direito, mas não sabe matemática", diz deputado
Política 16/09/2011 19h23

Por Joedson Telles

Aliados do ex-governador João Alves Filho (DEM), o deputado estadual Augusto Bezerra e o ex-deputado federal José Carlos Machado rechaçaram com ironia a analise feita, na manhã desta sexta-feira, dia 16, dos números das pesquisas que colocam João Alves como o preferido entre o eleitorado aracajuano. A última foi divulgada pelo Instituto Dataform, na segunda-feira, dia 12. “O governador era aluno do Atheneu, mas faltou a aula de cálculo. Ele é bom em direito, mas não sabe matemática. João cresceu 1,6%, em relação à eleição de 2010. Mas não foi má fé do governador. O problema é que ele não sabe fazer contas, com todo respeito”, ironizou Augusto Bezerra.

Segundo o deputado do DEM, no momento em que Déda insinuou que o ex-governador caiu nas pesquisas, porque em 2010 teve 45% dos votos em Aracaju e, agora, aparece com 35,5%, ele não soube fazer a conta certa. “Doutor João teve 45% dos votos válidos em 2010. Até aí ele está certo. Mas, na pesquisa, o governador não pegou os votos válidos. Se ele pegasse, doutor João teria um crescimento de 1,6%. Porque os votos válidos, segundo a pesquisa, somam 76,2%. Como doutor João teve 35,5% em cima desse valor, ele tem 46,6% dos votos válidos. Faltou conhecimento em matemática”, disse.

Segundo Augusto Bezerra, o governador comete outro equivoco quando fez a conta das citações dos possíveis candidatos aliados dele e acredita que o resultado é “praticamente” o empate. “É outro erro. Pode pegar Valadares Filho, Rogério Carvalho, Silvio Santos. Junte todos que não encostam em doutor João. Ele (Déda) só pode estar contando com os votos de Almeida Lima e Nílson Lima. Mas o eleitor de Almeida e Nílson votam na oposição”, diz.

Concordando com as contas feitas pelo deputado Augusto Bezerra, José Carlos Machado também enxerga como equivoco o governador Marcelo Déda afirmar que João Alves já colocou seu nome como candidato a prefeito de Aracaju. Machado observou que apesar do desejo dos integrantes do DEM e da vontade de Aracaju expressa nas pesquisas, João Alves não disse a ninguém que é candidato. 

Mais Notícias de Política
Agência Brasil/Reprodução
15/08/2022  21h10 Eleições 2022: total de candidatos cai 3,1% em relação a 2018
Maiores quedas ocorreram entre postulantes a deputado distrital e a senador
Marcelo Camargo / Agência Brasil
15/08/2022  17h30 TSE recebe 12 registros de candidatura à Presidência da República
Medida visa verificar se candidatos têm alguma restrição legal e se podem concorrer
Reprodução/Metrópoles
15/08/2022  13h30 Gabriel Monteiro passou esperma no cabelo de ex-assessor: “Sem reação”
Ex-funcionária dele chegou a receber punhal para se defender de assédios sexuais
José Cruz/ Agência Brasil
15/08/2022  12h00 Eleições 2022: hoje é último dia para pedir registro de candidaturas
Partidos podem apresentar apenas uma candidatura a presidente, governador e senador
TRE
15/08/2022  10h21 Eleitores só têm mais quatro dias para solicitar voto em trânsito
Prazo para solicitar voto em outro domicílio eleitoral vai até essa quinta (18)