Justiça suspende liminar contra Reforma da Previdência estadual
Medida reconhece legalidade da legislação aplicada pelo Governo de Sergipe
Política | Por Agência Sergipe Notícias 11/02/2020 17h27

Em nova decisão, proferida nesta terça-feira (11), o Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe (TJ/SE) acolheu o pedido do Governo e suspendeu a liminar contra a Reforma da Previdência estadual. A ação se tratava de um questionamento a respeito da Lei Complementar Estadual nº 338/19, que fala sobre a adequação da legislação estadual à Reforma da Previdência, feito pelo Sindicato do Fisco do Estado de Sergipe (Sindifisco).

A entidade questionava a base de cálculo para incidência de contribuição previdenciária dos inativos, realizada de forma consonante com o texto constitucional aprovado. A medida reconhece a legalidade e a constitucionalidade da legislação aplicada pelo Governo do Estado, feita através de um extenso estudo da reforma aprovada pelo Congresso Nacional em 2019 e que vem sendo aplicada no restante do país. 

O Procurador Geral do Estado, Vinícius Oliveira, comentou a decisão judicial e ressaltou a importância do trabalho realizado pelo governo. “Não faz sentido algum criar um clima de insegurança jurídica quando, à exaustão, todos sabem que o ajuste da previdência realizado em Sergipe está em consonância com a Reforma da Previdência Federal que, mais do que uma simples vontade do governador, foi de obrigatória reprodução”, afirmou o procurador.

Mais Notícias de Política
Marco do Saneamento deve ser discutido no Senado após carnaval
25/02/2020  17h36 Marco do Saneamento deve ser discutido no Senado após carnaval
Sergipe reduzirá carga horária de servidores com filhos com deficiência
21/02/2020  06h04 Sergipe reduzirá carga horária de servidores com filhos com deficiência
Governo enviará projeto para zerar meta fiscal de estados e municípios
21/02/2020  05h59 Governo enviará projeto para zerar meta fiscal de estados e municípios
Foto: Divulgação
19/02/2020  20h04 Acatada emenda de Laércio que incentiva contratação de pessoas acima de 55 anos
Câmara aprova ultrassom obrigatório para mulheres com risco de câncer
19/02/2020  16h13 Câmara aprova ultrassom obrigatório para mulheres com risco de câncer