Retorno de cimenteira a Sergipe pode gerar 1.500 novos empregos | F5 News - Sergipe Atualizado

Desenvolvimento
Retorno de cimenteira a Sergipe pode gerar 1.500 novos empregos
Polimix receberá um investimento de R$ 600 milhões; operações retornam em seis meses
Cotidiano | Por F5 News 26/02/2024 17h29


Nesta segunda-feira (26), o governador de Sergipe, Fábio Mitidieri, acompanhado da primeira-dama Érica Mitidieri e do secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Valmor Barbosa, recebeu representantes do grupo Polimix, que planeja investir R$ 600 milhões na reativação de uma fábrica de cimento localizada em Nossa Senhora do Socorro, na região metropolitana de Aracaju.

A iniciativa tem potencial para gerar cerca de 1.500 empregos diretos e indiretos na região. A Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) emitiu a licença ambiental necessária para o projeto, e o Conselho de Desenvolvimento Industrial (CDI) concedeu à empresa incentivos fiscais através do Programa Sergipano de Desenvolvimento Industrial (PSDI).

A fábrica passará por um processo de revitalização e modernização, uma vez que estava fechada há mais de sete anos.

As operações estão previstas para iniciar em seis meses. Inicialmente, o clínquer, principal matéria-prima do cimento, será fornecido por outras unidades industriais do grupo. Após seis meses, a unidade de Socorro começará a produzir o clínquer localmente, o que colocará Sergipe entre os maiores produtores de cimento do Nordeste. Atualmente, o estado já abriga unidades da Mizu e da Votorantim.

O governador Fábio Mitidieri destacou a importância da indústria para Sergipe e ressaltou a política estadual de captação de investimentos, que está alinhada ao Programa Primeiro Emprego. Mitidieri previu que a retomada da fábrica irá impulsionar a economia local, gerando empregos e receitas para o estado.

O diretor de operações empresariais do grupo Polimix, José Antero dos Santos, enfatizou o impacto positivo que o empreendimento terá em Sergipe, posicionando o estado como um dos principais produtores de cimento na região.

O projeto também se integrará ao Programa Primeiro Emprego (PPE), coordenado pela Secretaria de Estado do Trabalho, Emprego e Empreendedorismo (Seteem), que visa qualificar a mão de obra local e facilitar a entrada de jovens no mercado de trabalho.

O secretário de Estado do Trabalho, Emprego e Empreendedorismo, Jorge Teles, comentou a importância da parceria para garantir a qualificação da mão de obra necessária para o empreendimento.

O secretário de Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia, Valmor Barbosa, ressaltou que a retomada da fábrica trará diversos benefícios para Sergipe, incluindo a geração de empregos qualificados.

O complexo industrial, que anteriormente pertencia ao Grupo João Santos e operava com a marca Nassau, foi arrematado pelo grupo Polimix em um leilão em julho de 2022. Desde então, o governo estadual informou que tem trabalhado em parceria com a empresa para viabilizar a revitalização e entrada em operação do empreendimento, com o objetivo de impulsionar o desenvolvimento econômico e social de Sergipe.

Com informações da Agência Sergipe.

Edição de texto: Monica Pinto
Mais Notícias de Cotidiano
Arthur Soares
25/04/2024  08h07 Fábio Mitidieri assina decreto que reserva 50% dos CCs para mulheres
Divulgação PM
25/04/2024  07h55 Homem e duas mulheres são presos por suspeita de tráfico de drogas
Freepik/Ilustrativa
25/04/2024  06h00 “Enem dos Concursos”: locais de prova estão disponíveis
Setur/ Divulgação
24/04/2024  19h00 Confira a programação do último fim de semana do Projeto Pôr do Som
Gabriel Ribeiro/F5 News
24/04/2024  17h46 Sergipe tem previsão de chuvas moderadas a fortes até quinta-feira (25)

F5 News Copyright © 2010-2024 F5 News - Sergipe Atualizado