Petrobras confirma que vai produzir óleo e gás no litoral sergipano em 2026 | F5 News - Sergipe Atualizado

Petrobras confirma que vai produzir óleo e gás no litoral sergipano em 2026
Informação foi prestada em webcast realizado pela empresa nessa quinta-feira (25)
Economia | Por F5 News 26/11/2021 17h42 - Atualizado em 26/11/2021 18h55


A Petrobras passará a produzir óleo e gás natural no litoral sergipano por meio do projeto Sergipe Águas Profundas (Seap), que terá início em 2026. A informação foi confirmada em webcast realizado pela empresa nessa quinta-feira (25), quando foi apresentado o plano estratégico 2022-2026 para investidores e agentes do setor. 

Além da implantação do sistema de escoamento do gás, o projeto prevê a instalação de uma plataforma exploratória com capacidade para produzir 120 mil barris de óleo por dia.

“Estamos com Seap 1 previsto para entrar em operação em 2026. Com isso, estamos viabilizando uma nova fronteira de desenvolvimento da produção de óleo e gás. Temos um óleo de excelente qualidade, sem contaminantes. Nesse reservatório, temos lâminas d’água acima de 2.400 m, que vão provar que temos um novo desenvolvimento tecnológico para poder implantar esses projetos”, afirmou o diretor executivo de Desenvolvimento da Produção, João Henrique Rittershaussen.

Ele especificou ainda questões relacionadas à contratação da Unidade Flutuante de Produção, Armazenamento e Transferência (FPSO) que irá operar em Sergipe. 

“O FPSO Seap já está em fase de contratação. Estamos usando um novo modelo de contratação, que é o BOT (Build Operate Transfer), e o Seap 2 está em fase de planejamento. Este primeiro óleo está fora do horizonte do planejamento estratégico, estamos com a fase de planejamento bem acelerada”, ressalta.

Ainda de acordo com Rittershaussen, o projeto prevê um gasoduto próprio. “Além do sistema de produção, vamos ter no projeto Seap um sistema de escoamento de gás com capacidade para 18 milhões m³/dia, que vai atender os sistemas Seap 1 e 2”, pontuou.

O diretor de Exploração e Produção da Petrobras, Fernando Borges, demonstrou no evento o projeto Sergipe Águas Profundas (Seap) e os destaques do planejamento estratégico da companhia. 

“São ativos de excelente qualidade. Destacamos investimentos muito importantes no pós-sal, e esse plano agora também traz o projeto Sergipe Águas Profundas, incorporando dois sistemas de produção para essa área”, afirma.  

O superintendente executivo da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec), Marcelo Menezes, ressalta a expectiva de bons negócios para Sergipe: “O início da produção em águas profundas em 2026 define um novo momento para o setor, mobilizando toda a cadeia produtiva e criando um novo cenário de desenvolvimento para o estado”.

Com informações da Agência Sergipe 

Edição de texto: Monica Pinto
Mais Notícias de Economia
Refinaria na BA faz novo reajuste em combustíveis e preços devem aumentar em SE
22/01/2022  12h17 Refinaria na BA faz novo reajuste em combustíveis e preços devem aumentar em SE
Banco do Nordeste/Divulgação
22/01/2022  07h00 Com 5 milhões de hectares, Sealba pode alavancar relevância agrícola do Nordeste
Dólar sobe para R$ 5,45, mas tem segunda semana seguida de queda
21/01/2022  20h10 Dólar sobe para R$ 5,45, mas tem segunda semana seguida de queda
Sebrae/Reprodução
21/01/2022  17h30 Dívidas do Simples poderão ser pagas ou renegociadas até 31 de março
James Silva/Fecomércio
21/01/2022  16h30 E-commerce do Supertem se consolida como líder no mercado sergipano