Semear comemora 10 anos com exposição de Jenner Augusto | F5 News - Sergipe Atualizado

Semear comemora 10 anos com exposição de Jenner Augusto
Entretenimento 29/11/2011 13h41


No próximo mês de dezembro a Sociedade Semear comemora 10 anos de atividades e para celebrar a data em grande estilo, será inaugurada a exposição “JENNER AUGUSTO”, no dia 15 de dezembro, a partir das 19h30, na galeria que leva o seu nome, na Sociedade Semear, com cerca de 30 obras do consagrado artista sergipano, tendo como curadores Mário Britto e Zeca Fernandes.

Durante o evento, será lançado o livro “Jenner Augusto: vida e obra”, organizado por Mário Britto e Zeca Fernandes. A publicação conta com textos escritos pelos organizadores e personalidades de referência local e nacional, a exemplo do Governador Marcelo Deda e do Sócio Idealizador da Sociedade Semear, Cezar Brito. O livro é ilustrado com obras de Jenner Augusto, fotografadas pelo seu filho Guto Silveira.

Essas atividades estão sendo coordenadas pela Diretoria de Cultura e Arte da Sociedade Semear, quem tem a frente, Cita Domingos. Para o Diretor Presidente Carlos Britto Aragão, “a realização desses eventos mostram, na prática, a filosofia da Semear, evidenciando o trabalho participativo, onde cada um faz sua parte com o outro. O aniversário da Semear é uma celebração da vida compartilhada”.

“Jenner Augusto” fica em cartaz de 15 de dezembro de 2011 a 15 de janeiro de 2012, com visitação de segunda a sexta das 09h às 19h.

A Exposição conta com o patrocínio da Boa Luz, Catabas Empreendimentos Imobiliários, Celi Decorações, Cezar Britto & Advogados Associados, Energisa, Fasouto Distribuidor, Grupo Maratá, Grupo Multiserv, Miguel Britto Advogados Associados, Petrobras, Rio Marine, Secretaria do Estado da Cultura - Governo de Sergipe, Spaço Sob Medida, TV Atalaia, Zeca Fernandes – Escritório de Artes.

Sobre a Sociedade Semear

“Não Basta o desejo, a presença de um homem bem intencionado ou mesmo uma grande idéia para que um projeto se torne vencedor. É preciso mais, é necessário que todos participem dos mesmos sonhos e das mesmas idéias, ainda que com dedicação diferenciada”. É baseado nesta frase do sócio idealizador da Sociedade de Estudos Múltiplos, Ecológica e de Artes - SEMEAR, Cezar Britto, que a Instituição vem caminhando desde o dia 08 de dezembro de 2001, quando da sua fundação, atuando nos estados de Sergipe, Bahia e Alagoas e sendo referência no Norte e Nordeste brasileiro, com dezenas de projetos realizados.

A Sociedade Semear é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIP, título concedido pelo Ministério da Justiça do Brasil, cuja finalidade principal é o fortalecimento da cidadania, estimulando a participação ativa, livre e consciente de cada pessoa na construção coletiva do social; o meio ambiente, conservando a vitalidade e diversidade do ecossistema; a promoção da cultura, em suas múltiplas manifestações, de forma que todos tenham acesso às informações e aos benefícios dela decorrente; e desenvolver programas e atividades educacionais, participando, direta ou indiretamente, de projetos e movimentos que visem elevar a participação e o nível de consciência  crítica do cidadão, tornado-o agente ativo nas decisões da sociedade.

Desde sua fundação, a Sociedade Semear vem atuando, em suas três áreas operacionais (Estudos Múltiplos, Meio Ambiente e Cultura e Artes), buscando fortalecer a cidadania, contribuindo para um mundo onde prevaleçam à ética, a solidariedade, a igualdade de oportunidades e o compromisso social, ambiental e cultural.

 

Sobre Jenner Augusto

Jenner Augusto da Silveira (1924 - 2003). Sergipano, pintor, cartazista, ilustrador, desenhista, gravador. Reside em diversas cidades de Sergipe. Na cidade de Lagarto realiza cartazes para o cinema local. Em Laranjeiras, por volta de 1940, estuda a pintura de Horácio Hora. Volta a morar em Aracaju em 1944, quando se dedica à pintura e trabalha no comércio.

Em 1949, realiza gratuitamente painéis, em estilo modernista, para a decoração do Bar Cacique. Em 1949, muda-se para Salvador, e trabalha como assistente no ateliê de Mário Cravo Júnior. Nessa época, participa com Lygia Sampaio e Rubem Valentim da polêmica mostra Novos Artistas Baianos, realizada no Instituto Histórico e Geográfico da Bahia. Desenvolve na cidade alguns trabalhos plásticos sob encomenda, destacando-se o afresco Evolução do Homem, para o Centro Educacional Carneiro Ribeiro, realizado entre 1953 e 1954. Viaja ao Rio de Janeiro para expor individualmente, e conhece Cândido Portinari e José Pancetti, que o recomendam à crítica e aos colecionadores. Conhece ainda James e Jorge Amado.

Na década de 1960, pinta constantemente o bairro de Alagados e paisagens de Salvador. Em 1966, recebe convite para inaugurar a mostra Baianos na Filadélfia. No ano seguinte, viaja por França, Itália, Holanda, Inglaterra e Bélgica, onde conhece Paul Delvaux. Nas viagens, faz anotações, estudos e desenhos, editando-os em um álbum, publicado em 1970. Ilustra o livro de Jorge Amado Tenda dos Milagres. Há pelo menos três livros sobre sua obra: Jenner: A Arte Moderna da Bahia, de Roberto Pontual, editado pela Editora Civilização Brasileira, Os Alagados de Jenner, um álbum com cinco serigrafias e texto de Adonias Filho, editado pela Ranulpho Editora de Arte, e um livro-álbum denominado Jenner, com reproduções de sua obra, em cores e preto-e-branco, desde os primeiros trabalhos, publicado pela Imprensa Oficial da Bahia. Jenner Augusto dá nome a Galeria de Artes da Sociedade Semear.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação da Sociedade Semear

 

Mais Notícias de Entretenimento
Felipe Goettenauer/PMA
23/05/2022  07h17 Forró Caju 2022: Circuito Folclórico inova o maior evento junino de Sergipe
O Circuito será ‘um esquenta do Forró Caju’ na área central da capital sergipana
Reprodução/Twitter
22/05/2022  21h30 Look de Ana Maria Braga no Domingão gera onda de memes no Twitter
Jurada no Dança dos Famosos, ela usou uma roupa vermelha com plumas nas mangas
Globo/Divulgação
21/05/2022  14h40 Silvio de Abreu: plástica causou demissão de Stênio Garcia da Globo
Ator demitido em 2020 alegou que era perseguido por Silvio de Abreu na emissora
Metrópoles/Reprodução
21/05/2022  11h35 Zé Neto volta atrás e pede desculpas após críticas a Anitta em shows
Cantor afirmou que não teve intenção de incitar ódio e disse respeitar talento dela
Assessoria de Imprensa/ Reprodução
20/05/2022  16h13 Celda Fontes & Sany Fontes e Samba de Moça Só são atrações em Aracaju
Musicais gratuitos acontecem no sábado (21) e no domingo, no Shopping Jardins