Oposição começa busca por assinaturas para CPI mista da corrupção | F5 News - Sergipe Atualizado

Oposição começa busca por assinaturas para CPI mista da corrupção
Brasil e Mundo 11/08/2011 16h51

Os partidos de oposição no Senado e na Câmara dos Deputados decidiram começar nesta quinta-feira (11) a coleta de assinaturas para a criação de uma comissão parlamentar mista para investigar corrupção no Executivo. Por meio de site multipartidário na internet, os oposicionistas querem ainda informar a sociedade sobre o andamento da mobilização, inclusive divulgando os nomes de senadores e deputados que apoiarem o requerimento.

- O site servirá para mostrar à população quem quer e quem não quer investigar essa sucessão de fatos escandalosos que têm acontecido - comentou o senador Demostenes Torres (GO), líder do DEM.

A iniciativa da CPI mista foi anunciada após reunião na liderança do PSDB do Senado, ao final da manhã, com integrantes da oposição nas duas Casas. Os líderes consideram insuficiente a estratégia do governo de estimular a vinda de ministros ao Congresso para prestar esclarecimentos sobre as denúncias. Consideram também que a corrupção está espalhada em diversos setores do governo e, por isso, deve ser criada uma CPI abrangente.

- Por isso será uma CPMI abrangente sobre todos os assuntos que estão sendo denunciados, inclusive sobre a questão da [área] saúde, que nem ao menos foi mencionada - comentou o senador José de Agripino (DEM-RN).

Para que uma CPI mista possa ser criada, são necessárias as assinaturas de pelos menos 27 senadores e 171 deputados. Mesmo com o insucesso das recentes tentativas de criação de CPIs em cada uma das Casas, os líderes acreditam que será possível conquistar o número regimental necessário. Para o líder do DEM na Câmara, deputado ACM Neto (BA), a disseminação das denúncias favorece o êxito na busca de assinaturas.

Dissidentes

A oposição conta ainda com o apoio de dissidentes da base governista, especialmente de integrantes do PR ainda insatisfeitos com a exposição do partido em decorrência das denúncias que forçaram a saída do ex-ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, indicado pelo partido e que agora reassumiu o cargo de senador. Conforme Agripino, houve maior imputação sobre o PR, embora os erros estejam diluídos entre diversos partidos da base

- Aqueles que quiserem passar a limpo a sua história, como o PR, vão caminhar para assinar um instrumento de verificação de onde está a culpa. É um instrumento de legítima defesa e de aquisição de um discurso para evitar a morte do partido - avaliou Agripino.

CPI dos Transportes

A iniciativa da CPI mista não significa que devem ser deixados esforços para investigações específicas em cada Casa. Demostenes Torres informou que faltam apenas duas assinaturas no requerimento para criar a CPI dos Transportes no Senado e outras cinco para CPI do BNDES.

Da Agência Senado

Mais Notícias de Brasil e Mundo
Lei que proíbe sacrifício de cães e gatos saudáveis por órgãos públicos é sancionada
23/10/2021  13h06 Lei que proíbe sacrifício de cães e gatos saudáveis por órgãos públicos é sancionada
Eutanásia é permitida em casos de doenças graves ou infectocontagiosas incuráveis
Foto: Jules Beau/Domínio Público
23/10/2021  12h00 Primeiro voo há 115 anos: Santos Dumont aliou invenções à ciência
Gênio brasileiro conquistou a dirigibilidade, criou balões e avião
Agência Brasil/Reprodução
23/10/2021  09h15 Mega-Sena deve pagar neste sábado R$ 26,5 milhões em prêmios
O sorteio será às 20h no Espaço Loterias Caixa, na cidade de São Paulo
Foto: Agência Brasil/Reprodução
23/10/2021  08h00 Fiocruz recebe nova remessa de IFA neste domingo, 24
Insumo é suficiente para fabricar 5,6 milhões de doses de vacina contra o coronavirus
Foto: Agência Brasil/Reprodução
22/10/2021  14h10 Morte violenta atinge 6,97 mil crianças e adolescentes por ano no país
Segundo estudo, na faixa etária de 5 a 9 anos de idade, 76% conheciam o agressor