Conservatório de Música de Sergipe celebra 75 anos com vasta programação
Primeira escola pública de música de Sergipe é referência na formação cultural
Entretenimento 23/11/2020 18h02

O Conservatório de Música de Sergipe (CMSE), unidade de ensino vinculada à Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), está celebrando 75 anos de existência com uma vasta programação de atividades. Primeira escola de música do Estado, o conservatório tem sido, ao longo de sete décadas, um espaço de revelação de grandes talentos musicais. Passaram por lá diversos profissionais que hoje vivem exclusivamente da música em Sergipe e fora do estado, alguns deles com grande destaque nacional e até internacional.

De acordo com o diretor do CMSE, Heitor Mendonça, estar à frente desta unidade de ensino é motivo de muito orgulho, ainda mais neste momento em que o conservatório passa por uma reformulação. Ele conta que não foi aluno da instituição, mas que seu pai, o maestro Moskito, foi professor. “Eu frequentei muito o Conservatório de Sergipe, aprendi muito nos corredores, com os professores, enquanto meu pai ministrava as aulas. Então, para mim um motivo de muita honra, neste momento em que se comemoram 75 anos, a gente fazer um trabalho que está sendo reconhecido pela sociedade sergipana”, disse ele, destacando que a escola tem despertado um interesse cada vez maior das pessoas. Somente no último processo seletivo, foram mais de 2.500 inscritos.

O diretor lembra ainda alguns dos diversos músicos de destaque na cena musical sergipana que foram alunos do Conservatório, como Mingo Santana, Neu Fontes, Antônio Rogério, Chiko Queiroga, além de outros que, atualmente, trabalham como professores da instituição. Uma das novidades mais recentes são os cursos de Música Popular. “A gente criou os cursos de música popular e têm sido motivo de grande alegria, porque acabaram atraindo diversos músicos que atuam na cena sergipana e tantos outros que já passaram aqui pela nossa escola”, disse.

A instituição de ensino é elogiada por músicos que lá iniciaram a sua vocação. É o caso do cantor e compositor Mingo Santana, que define o Conservatório de Música como “o primeiro porto seguro da música didática sergipana”. Ele estudou violão no período de 1980 a 1983 e cantou no coral, na posição de barítono. Como curiosidade, ele conta que naquela época, o renomado violonista Baden Powell fez uma apresentação no Teatro Villas Lobos, que fica dentro do Conservatório. “Em um determinado momento, a caixa de som deixou de funcionar, e no final do show, Baden disse que graças a essa falha, descobriu que o Villa Lobos é o teatro com a melhor acústica do Brasil”, disse.

Para ele, o Conservatório de Música de Sergipe abriu caminhos para que ele fosse um compositor. “O conservatório sinalizou a importância da música clássica, música escrita, das partituras, da técnica. Eu era um aluno um pouco rebelde, transformava as lições e composições. Mas eu tinha uma noção muito simplória, e o conservatório me deu as bases didáticas para compor”, declarou.

História

Situado no centro de Aracaju, o conservatório foi fundado pelo professor Genaro Plech, no ano de 1945, por meio do Decreto Lei n° 840 de 28 de novembro, no governo de Hunaldo Santaflor Cardoso. Inicialmente, a unidade de ensino se chamava Centro Orfeônico de Sergipe. Após décadas percorrendo endereços e modificando a denominação, a atual sede fica localizada na rua Boquim, esquina com a rua Santa Luzia, n° 313, quando, por determinação do governador João Andrade Garcez e do secretário de Educação e Cultura, Nestor Piva, passou a denominar-se Conservatório de Música de Sergipe.

A história do CMSE é marcada pela gestão de músicos como Genaro Plech e Leozírio Guimarães, e, atualmente, é gerida pelo cantor e compositor Heitor Mendonça. A unidade oferta três modalidades de cursos: Oficinas: cursos rápidos diversos, voltados tanto à musicalização de crianças como a breves capacitações para adolescentes e adultos, além de cursos específicos para a terceira idade; Cursos FIC: são cursos de formação inicial ou continuada de profissionais da área de música, e estão divididos em duas grandes áreas: cursos de formação para músicos de banda, voltados para o ensino dos gêneros musicais atualmente denominados de "Música Popular" e cursos de formação para músicos de orquestra, voltados para o ensino da música erudita. Ambos os cursos são ofertados nos níveis iniciante e intermediário; e Cursos técnicos: são cursos profissionalizantes de nível médio nas áreas de Canto e Instrumento, com diversas habilitações.

Desde 1945, o Conservatório de Música de Sergipe contribui significativamente na formação de músicos e cantores no Estado de Sergipe. No ano em que completa 75 anos de existência, marcado pela pandemia do novo coronavírus, as atividades musicais do CMSE não pararam. Desde o início da pandemia, o CMSE tem promovido atividades musicais de forma remota para diminuir a distância e fortalecer o elo entre a instituição e seus alunos. Na semana de seu aniversário, o CMSE promoverá uma série de atividades online para seus alunos e toda a sociedade sergipana.

Confira abaixo toda a programação.

Segunda-feira, 23, às 19h

Palestra: Bandas de Música Portuguesas e as Filarmônicas Sergipanas

Palestrante: Maestro Juvenilson Menezes

Inscrição: https://forms.gle/g3krZ2rYXghV5KoD7

Transmissão: Google Meet - meet.google.com/mds-xcmt-pqj

Canal do Youtube do CMSE

 

Terça-feira,24, às 15h

Mostra das Atividades Não Presenciais do CMSE

Transmissão: Canal do Youtube do CMSE

 

Quarta-feira, 25, às 20h30

Música em Rede - (Performance Voz e Violão dos Alunos do Curso Técnico e FIC)

Transmissão: Canal do Youtube do CMSE

 

Quinta-feira, 26, às 15h

Mostra das Atividades Não Presenciais do CMSE

Transmissão: Canal do Youtube do CMSE

 

Sexta-feira, 27, às 18h

Recital de Canto Online de Casa em Casa 2

Transmissão: Canal do Youtube do CMSE

 

Sábado, 28, às 18h

Concerto Online do 75º Aniversário do Conservatório de Música de Sergipe

Transmissão: Canal do Youtube do CMSE

 

Programação completa:
www.cmse.com.br

Fonte: Seduc-SE

Mais Notícias de Entretenimento
Documentário gravado com estudantes sergipanos chega ao cinema em Aracaju
21/01/2021  17h00 Documentário gravado com estudantes sergipanos chega ao cinema em Aracaju
Três bairros de Aracaju terão sessões itinerantes do Festival Curta-SE
21/01/2021  09h34 Três bairros de Aracaju terão sessões itinerantes do Festival Curta-SE
Domínio Público
20/01/2021  12h08 Euclides da Cunha uniu ciência à arte e denunciou diversas violências
Experiências pessoais que renderam dois clássicos muito divertidos
16/01/2021  07h36 Experiências pessoais que renderam dois clássicos muito divertidos
‘Na ponta da Galáxia’ é o livro de estreia da sergipana Luyne Rodrigues
15/01/2021  13h36 ‘Na ponta da Galáxia’ é o livro de estreia da sergipana Luyne Rodrigues